Equipes médicas buscam em Lajeado órgãos para doação

Procedimentos de retirada foram realizados no Hospital Bruno Born na manhã desta quarta-feira

A doação de coração, dois rins e fígado mobilizou equipes médicas de Lajeado e Porto Alegre na manhã desta quarta-feira, no Hospital Bruno Born (HBB). A morte encefálica do doador foi confirmada na manhã de terça-feira, e, no final da tarde, a família do paciente concedeu autorização para a retirada dos órgãos.

A partir do aceite, as informações foram repassadas à Central de Transplantes do Estado, que fez a oferta e a busca por pacientes que poderiam receber os órgãos.

Hoje pela manhã, vindos de helicóptero, profissionais chegaram para o trabalho em conjunto com as equipes do HBB: vieram de Porto Alegre dois médicos para a retirada do coração; dois para os rins, dois para o fígado, além de uma enfermeira do Hospital de Clínicas e um da OPO 7 (Organização de Procura de Órgãos / cirúrgica). A captação iniciou às 8h e deve durar até o final da manhã.

Do HBB participaram a equipe do Bloco Cirúrgico, do diagnóstico de morte encefálica (três médicos), técnicos e enfermeiros da UTI – que cuidaram da manutenção do potencial doador – médico de plantão e da OPO 6, além de enfermeiras da OPO 6 (unidade do HBB), que organizaram a logística.

O coração é o primeiro órgão a ser retirado, uma vez que é necessário que o implante ocorra em até quatro horas. Ele será transplantado no Instituto de Cardiologia, na Capital. Os demais órgãos foram levados também para Porto Alegre, onde será definido seu destino.

MAPA

CONTATO

Equipes médicas buscam em Lajeado órgãos para doação – Hospital Bruno Born